terça-feira, 25 de junho de 2013

Conheça as 10 construções mais caras do mundo

No topo da lista dos empreendimentos modernos, feita pela empresa alemã Emporis, está o prédio do Parlamento da Romênia, em Bucareste


A empresa alemã Emporis reúne uma infinidade de dados sobre construções de 190 países – são mais de 400 mil edifícios catalogados. E, segundo levantamento da companhia, o prédio do Parlamento da Romênia (foto abaixo), em Bucareste, é a construção mais cara do mundo dentre os empreendimentos considerados modernos. A obra custou U$ 3 bilhões e foi finalizada em 1988.
construções mais caras do mundo

Em segundo lugar no ranking está o hotel e cassino The Palazzo, em Las Vegas. A construção de 53 andares ficou pronta em 2007 e custou U$ 1,9 bilhão.
construções mais caras do mundo

A terceira posição fica com o arranha-céu Taipei 101, erguido em 2004 na cidade de Taipei, em Taiwan. O prédio de mais de 500 metros de altura é utilizado por escritórios e custou U$ 1,760 bilhão.
construções mais caras do mundo

O prédio mais alto do mundo, o Burj Khalifa, figura em quarto lugar no ranking da Emporis. Foram necessários U$ 1,5 bilhão para erguer o arranha-céu, que fica em Dubai e tem 828 metros de altura.
construções mais caras do mundo

Já a quinta construção mais cara do mundo fica em Kyoto, no Japão. A Kyoto Station, finalizada em 1997, reúne estação de metrô, trem e terminal de ônibus e custou U$ 1,250 bilhão.
construções mais caras do mundo

Prevista para 2016, a sala de concerto Elbphilharmonie, em Hamburgo, na Alemanha, deve ficar em sexto lugar no ranking. A construção terá 100 metros de altura e terá um gasto de U$ 1,028 bilhão.
O arranha-céu Bank of America Tower, em Nova York, nos Estados Unidos, fica em sétimo lugar. O conjunto de salas comerciais foi concluído em 2009 e custou U$ 1 bilhão.
A oitava construção mais cara fica em Sydney, na Austrália. A Chifley Tower também custou U$ 1 bilhão e tem 241 metros de altura.
construções mais caras do mundo

Las Vegas figura mais uma vez na lista como sede de outra construção caríssima: o hotel e cassino MGM Grand. O empreendimento concluído em 1993 gerou um custo de U$ 1 bilhão.
construções mais caras do mundo

Por fim, em décimo lugar, o Myer Centre. O prédio comercial erguido em Adelaide, na Austrália, também custou U$ 1 bilhão.
construções mais caras do mundo

 Fonte: Pense Imóveis 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário